Morar na Espanha através de investimento imobiliário

Morar na Espanha através de investimento imobiliárioÉ possível morar na Espanha e ter residência permanente em troca de um investimento imobiliário de €160.000.  Como os governos europeus estão cada vez mais desesperados para encontrar maneiras de atrair riqueza e investimento para suas nações – após espremer tudo que podiam de seus próprios cidadãos – agora a porta está amplamente aberta para os estrangeiros que tenham dinheiro no bolso.

A Espanha  recentemente se propôs a tornar-se o mais novo país da União Europeia a oferecer residência permanente em troca de um investimento imobiliário de €160.000.  O programa de investimento em imóveis para estrangeiros foi proposto pelo Ministro do Comércio Espanhol, Jaime Garcia-Legaz, com o objetivo de impulsionar o mercado imobiliário da Espanha que está completamente parado e tem atualmente entre 700 mil e 1 milhão de novas casas não vendidas no mercado. Este é um número significativo, considerando que os EUA, que possui cinco vezes a população da Espanha, teve apenas 145 mil novas casas não vendidas no início do ano. Os outros países da UE que já oferecem programas similares são Portugal, Irlanda, Cipre e Letônia, exigindo um investimento mínimo no mercado imobiliário de €500.000, €400.000, €300.000 e €70.000 respectivamente. Assim, a proposta espanhola é mais tentadora que todos os demais, com exceção da Letônia. Tais programas, cada vez mais comuns, servem de atalho para aqueles que possuam os recursos necessários.

Dupla nacionalidade sempre será sinônimo de vantagens

Obviamente você não vai querer morar na Espanha nas circunstâncias atuais e apostar o seu capital em uma jurisdição que enfrenta instabilidade financeira e usa uma política fiscal cada vez mais socialista. Ainda assim, ter outro lugar para chamar de lar, potencialmente, no caso de você precisar, pode ser uma opção atraente – sem contar a possibilidade de eventual naturalização em um país da União Europeia, desfrutando de todos os benefícios que vem junto com a naturalização.

Visite a página dupla cidadania e saiba mais como fazer parte da sociedade internaciona adquiririndo múltiplas nacionalidades e residências.

Oportunidade que logo poderá estar disponível a você Embora o Ministro do Comércio Espanhol tenha observado que o programa é destinado, principalmente, a investidores russos e chineses (ou seja, dinheiro da oligarquia dos membros do BRICS), o programa provavelmente vai estar aberto para todos os estrangeiros.

A proposta do programa de investimento ainda não foi finalizada, mas ela tem o apoio do atual governo espanhol e deve ser aprovada nas próximas semanas. No entanto, existem ainda algumas questões importantes sem resposta no momento, tais como:

  • Quando você pode vender o imóvel sem perder o status de residência?
  • Após a obtenção da residência através desse programa, como um estrangeiro pode se naturalizar e obter o passaporte espanhol?
  • Os investidores estrangeiros vão poder usufruir do estatuto de residente se alugar o imóvel durante parte do ano ou anualmente?

Uma vez que a proposta for efetivada e todas as respostas para essas perguntas forem respondidas, a Espanha será o mais novo país da UE a oferecer tal programa, e provavelmente não será o último.

Por que você deve pensar nessa possibilidade?

Para diversificar totalmente o seu risco político e, assim, enfraquecer o controle absoluto que o governo detém sobre você, é fundamental a obtenção de uma segunda residência/cidadania em um segundo país (ou múltiplos países). Para aqueles que não têm a sorte de ter ancestrais em um país que oferece a cidadania através da ascendência, programas como a proposta espanhola podem ser uma alternativa potencial.

Seja qual for o país que você deseja obter residência ou cidadania, o processo é normalmente complicado, mas é possível conseguir. Sociedade Internacional está aqui para auxiliá-lo, de forma simples, a percorrer as complexidades de se tornar um cidadão desse universo de diversificação. Visite a página dupla cidadania para saber como você também pode ser um cidadão do mundo.

Caso tenha alguma situação específica que queira discutir ou perguntar sobre como obter dupla cidadania, nós podemos te ajudar.  Clique aqui e entre em contato conosco.

Você gostou desse artigo? Assine para receber nossos artigos gratuitos no futuro e entrar no caminho da diversificação internacional hoje!

Privacidade é o nosso lema. Seu e-mail fica 100% seguro conosco.